Pular para o conteúdo

França reabre fronteiras para turistas brasileiros vacinados

Brasileiros 100% imunizados com vacinas aprovadas pela Agência Europeia de Medicamentos podem visitar o país sem cumprir quarentena.

Torre Eiffel em Paris
Pixabay

Com o avanço da vacinação contra o Covid-19 pelo mundo, a França é mais um país a flexibilizar suas restrições e liberar a entrada de turistas brasileiros totalmente vacinados em seu território. Mas é necessário atenção, a Coronavac, umas das principais vacinas aplicadas no Brasil ainda está sendo analisada pelo órgão europeu, então brasileiros imunizados com ela ainda não podem entrar no país.

Já os viajantes imunizados com as demais vacinas podem entrar no país sem cumprir quarentena e sem apresentar exame PCR negativo no desembarque. É necessário apenas aguardar o prazo de sete dias após a vacinação para viajar. 

Caso você tenha recebido a vacina da Janssen, será necessário aguardar pelo menos 28 dias antes da viagem.

Confira como emitir o Certificado Digital de Vacinação do Brasil aqui!

Vacinas aprovadas pela Agência Europeia de Medicamentos:

  • Pfizer;
  • Moderna;
  • AstraZeneca;
  • Janssen.

Porém o Governo Francês não especificou se serão aceitos viajantes imunizados com a AstraZeneca, pois a Agência Europeia não havia incluído a vacina no Green Pass da União Europeia – um passaporte de vacina válido no bloco europeu. 

A expectativa é que a regulamentação ocorra em breve, já que a França faz parte da União Europeia e aplica o imunizante em sua população, além de ser aceito no passaporte de saúde francês.

Museu do Louvre em Paris
Pixabay

Turismo na França

Muitas regras ainda estão sendo definidas e adaptadas devido a pandemia, mas alguns pontos turísticos já estão retomando seu funcionamento, como é o caso da Torre Eiffel. 

Um dos pontos turísticos mais cobiçados do mundo reabriu para visitação com hora marcada, no dia 16 de julho. Os ingressos são comprados pela internet e existe a apresentação de Passaporte de Saúde da União Europeia.

Para turistas de fora da União Europeia, ainda não está claro qual documento será aceito como comprovação de vacinação. Essas informações devem ser divulgadas em breve.

O que fazer na França?

Paris é, com certeza, um dos países mais cobiçados pelos brasileiros. Quem nunca sonhou em conhecer a Torre Eiffel? Dar um passeio de barco pelo Rio Sena ou conhecer as belíssimas catedrais?

Mas nem só de Paris se vive a França, o país reserva lugares lindos e apaixonantes para você conhecer. Confira uma lista de cidades que não podem ficar de fora do seu roteiro pelo país.

Praia na França
Pexels

Nice: cidade da Riviera Francesa com muitos museus e artes 

Bordéus: capital da região vinícola 

Marselha: famosa pelo ensopado bouillabaisse e pelo bairro Vieux-Port

Cannes: famosa pelo maior festival de cinema do mundo, lojas chiques e praias lindas

Córsega: ilha francesa com laços italianos, famosa pelas belas praias 

Estrasburgo: cidade famosa pelos belos canais e sua catedral gótica com um relógio animado

Mont Blanc: conhecida pelo resort de esqui com teleféricos, geleiras e esportes ao ar livre.

Provença: famosa pela Catedral St-Sauveur e fontes termais

Colmar: a rota dos vinhos

Lille: famosa pela culinária flamenga

Seguro Viagem para França

Pessoas em Aeroporto
Pexels

Viajar com segurança e tranquilidade é importante em qualquer época e para qualquer país, principalmente quando estamos vivendo uma pandemia mundial.

Ao contratar um seguro viagem você terá assistência para diversos imprevistos com sua saúde, bagagem, voo ou outro ocorrido que possa atrapalhar a sua viagem.

Atualmente as seguradoras Intermac e April possuem cobertura para o coronavírus. É muito importante conferir a sua apólice e consultar todas as regras da seguradora.

Os planos da Intermac e April possuem duas opções de cobertura: cobertura para internação e internação + indenização. Mas, o que isso significa e como funciona?

Nos casos de planos com cobertura para Internação em decorrência do diagnóstico do Covi-19, terá cobertura para os gastos do paciente durante o tratamento do vírus no hospital. 

Já os planos com Internação + Indenização, além da cobertura para os gastos do tratamento do paciente no hospital, o internado ou seu acompanhante pode solicitar o valor de US$150 de  indenização para arcar com outros custos durante o tratamento, como: hospedagem, alimentação, transporte ou outros itens de necessidade. 

O valor da indenização pode ser solicitado a partir de 48 horas de internação e até 14 dias de internação, quando o diagnóstico for positivo.

Faça sua cotação com a Comparar Seguro de Viagem e garanta o melhor preço para o seu seguro viagem!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *